Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Déficit da Previdência no Brasil cresce 5,1% em abril

Na comparação com o mesmo mês do ano passado, arrecadação cresceu praticamente na mesma proporção

Isabel Sobral, da Agência Estado,

19 de maio de 2009 | 10h30

O déficit da Previdência Social em abril aumentou 5,1% em relação ao mesmo mês do ano passado. Segundo dados divulgados nesta terça-feira, 19, o saldo negativo ficou em R$ 3,099 bilhões, contra R$ 2,949 bilhões registrado em abril do ano passado.

A arrecadação no período aumentou praticamente na mesma proporção - 5,3% - e somou R$ 14,089 bilhões. Foi a segunda maior receita mensal da história da receita, excetuando-se os meses de dezembro. As despesas, em abril, somaram R$ 17,189 bilhões, avanço de 5,3% em relação a abril de 2008.

De janeiro a abril, a Previdência acumula déficit de R$ 15,259 bilhões, saldo 13,9% superior ao acumulado em igual período do ano passado. A arrecadação no período soma R$ 53,805 bilhões (crescimento de 5,2% ante igual período de 2008). Já as despesas com benefícios somam R$ 69,064 bilhões, um avanço de 7% ante igual período do ano passado. O ministro da Previdência, José Pimentel, dará entrevista em instantes para detalhar os números.

Tudo o que sabemos sobre:
Previdênciadéficit

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.