Déficit da Previdência pode alcançar R$ 47 bi este ano

O secretário de Previdência Social, Helmut Schwarzer, projeta para este ano um déficit nas contas da Previdência de R$ 46,8 bilhões a R$ 47 bilhões. A projeção anterior do secretário era de R$ 44,4 bilhões. A elevação da estimativa, segundo ele, se deve ao fato de o ministério ter decidido ampliar o calendário de pagamentos de segurados do INSS para dez dias úteis. Com isso, cerca de 8,5 milhões que ganham até 1 salário mínimo deverão ter o pagamento de janeiro antecipado para o final de dezembro. Esta antecipação representará um impacto nos gastos do INSS de R$ 2,9 bilhões. "A antecipação vai se registrar a partir de agora ao longo de todos os meses", explicou o secretário.Ele informou ainda que a expectativa para 2008 é que a arrecadação da Previdência continue melhorando como ocorreu ao longo de 2007. "No ano que vem, com a continuidade do crescimento econômico e a formalização da mão-de-obra, o quadro financeiro da Previdência deverá seguir melhor", disse Schwarzer. O secretário disse ainda que o déficit em novembro, de R$ 2,56 bilhões, é o menor resultado mensal deste ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.