Déficit do INSS cai 1,9% em julho, para R$ 3,088 bilhões

O déficit do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em julho, foi de R$ 3,088 bilhões, 1,9% menor do que o déficit registrado em junho, que foi de R$ 3,147 bilhões. Os números foram divulgados pelo Ministério da Previdência Social. O déficit de julho é resultado de uma arrecadação líquida de R$ 8,47 bilhões, enquanto que o pagamento de benefícios gerou uma despesa de R$ 11,56 bilhões no mês. Em relação a julho do ano passado, o déficit subiu 21,3%. Em julho de 2004, as contas do INSS ficaram no vermelho em R$ 2,54 bilhões.No acumulado do ano, a arrecadação líquida do INSS atingiu R$ 58,1 bilhões, enquanto que as despesas com o pagamento de benefícios alcançaram R$ 77,44 bilhões. O resultado foi um déficit de R$ 19,37 bilhões, 19,2% superior ao déficit verificado no mesmo período do ano passado, que foi de R$ 16,25 bilhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.