carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Déficit em conta corrente da zona do euro sobe para € 9,8 bilhões em outubro

Maior peso veio dos déficits na renda e nas transferências correntes 

Danielle Chaves, da Agência Estado,

20 de dezembro de 2010 | 07h52

FRANKFURT - O déficit em conta corrente da zona do euro se ampliou pelo quarto mês consecutivo em outubro, para 9,8 bilhões de euros (US$ 12,9 bilhões), informou o Banco Central Europeu (BCE).

Segundo o BCE, o déficit no comércio de mercadorias foi de 1,9 bilhão de euros, depois do superávit de 2,2 bilhões de euros em setembro. No setor de serviços, a zona do euro teve superávit de 1,7 bilhão de euros em outubro, após o saldo positivo de 2,1 bilhões de euros em setembro.

A maior parte do déficit em conta corrente foi devida a déficits na renda e nas transferências correntes. Embora os dois déficits tenham caído na comparação com setembro, houve fluxo de saída de capitais de 7,3 bilhões de euros nas transferências correntes e de 2,3 bilhões de euros na renda.

Durante os últimos 12 meses como um todo, o déficit em conta corrente da zona do euro somou 49,3 bilhões de euros, ou 0,5% do Produto Interno Bruto (PIB) do bloco monetário estimado no período, segundo o BCE. No entanto, o déficit relativamente pequeno mascara os grandes superávits e déficits em cada país da zona do euro. As informações são da Dow Jones. 

Tudo o que sabemos sobre:
déficitconta correntezona do euro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.