Deflação em São Paulo se intensifica

A deflação na cidade de São Paulo se intensificou, segundo apurou o Índice de Preços ao Consumidor - Semanal (IPC-S). A Fundação Getúlio Vargas informou nesta quarta-feira que a queda nos preços até a semana encerrada no dia 22 de maio foi de 0,34%, ante barateamento de 0,05% no período anterior, encerrado dia 15 de maio. A taxa global da inflação no período, divulgada na última terça-feira em 0,01%, teve seus índices regionalizados - das sete capitais pesquisadas pela fundação - divulgados nesta terça. São Paulo é a cidade que tem o maior peso na formação do indicador. De acordo com a FGV, todas as sete capitais analisadas - São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador - registraram desaceleração ou deflação mais intensa de preços, na passagem dos dois períodos.

Agencia Estado,

24 de maio de 2006 | 09h36

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.