Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Demanda por ações da Petrobrás supera oferta com folga

Segundo fonte, houve forte participação de fundos de pensão estatais e de investidores institucionais

Reuters,

23 de setembro de 2010 | 07h40

A oferta de ações da Petrobrás recebeu uma demanda maior do que a necessária para a venda de todas as ações na operação que pode levantar mais de R$ 130 bilhões, afirmaram duas fontes próximas do assunto à Reuters no final da quarta-feira.

A oferta foi "confortavelmente subscrita em excesso" com forte demanda dos investidores, disse uma das fontes. Apesar disso, é provável que a emissão não tenha recebido uma demanda duas vezes maior que a oferta, dado o tamanho da operação.

Uma segunda fonte comentou que a demanda elevada pelas ações foi incentivada por forte participação de fundos de pensão estatais e investidores institucionais.

A emissão, a maior da história do mercado de capitais, inclui troca de petróleo por ações entre a Petrobrás e o governo.

A companhia usará os recursos da operação para financiar um agressivo plano de investimentos focado no desenvolvimento das reservas de petróleo da camada pré-sal.

A estatal venderá 1,59 bilhão de novas ações preferenciais e 2,17 bilhões de ações ordinárias. Os números não incluem eventuais lotes adicionais (greenshoe).

A oferta deve ser precificada nesta quinta-feira, após o fechamento dos mercados. Para uma análise sobre eventual preço dos novos papéis, clique. (Guillermo Parra-Bernal e Clare Baldwin)

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.