Depois de 9 dias em alta, dólar fecha em queda de 1,51%

O dólar comercial encerrou o dia em queda de 1,51% em relação aos últimos negócios de ontem e fechou cotado a R$ 2,3460 na ponta de venda das operações. Até ontem, a moeda norte-americana vinha em tendência de alta e acumulava apreciação de 9,42% frente ao real apurada em nove dias.Hoje, o Banco Central reduziu as suas intervenções no mercado de câmbio, o que fez com que as cotações despencassem. O BC anunciou mais um leilão de swap reverso (operação no mercado futuro que reduz a oferta de dólar no mercado, elevando as cotações da moeda norte-americana). Contudo, o volume ofertado veio abaixo das expectativas dos investidores.Além disso a expectativa para os próximos dias é de fluxo cambial positivo. Entre hoje e quinta-feira, estão previstas as liquidações de três operações de captação externa num total de US$ 650 milhões.Entenda melhor as características do swap reverso1. É um contrato que gera efeito semelhante ao de uma compra de dólares no mercado à vista; quando o BC vende um swap reverso, é como se a procura por dólares aumentasse e, pela lei da oferta e da procura, o preço tende a aumentar. Foi isso que aconteceu neste mês.2. O Banco Central tem vendido diariamente contratos de swap reverso. Na prática, é como se ele estivesse comprando dólares no mercado todo dia. A diferença é que o BC não está comprando a moeda, efetivamente, mas um compromisso atrelado a ela.3. No contrato de swap cambial reverso, é como se o BC estivesse comprando dólares e, na mesma operação, passasse a dever em taxa de juros CDI (que é a taxa de juros dos empréstimos entre os bancos).4. Grosso modo, se num determinado período o dólar variar mais do que a taxa de juros que o BC deveria pagar, o BC ganha.5. No contrato de swap reverso, o BC também ganha uma taxa de juros específica definida na hora da venda do contrato, chamada de cupom; quanto maior for o cupom na hora do leilão, mais interessante é o contrato para o BC.6. Exemplo: se em um mês o real se desvalorizar 5% e o cupom definido no contrato for correspondente a 0,5% para um mês, o BC ganhou aproximadamente 5,5% no período; se o CDI pagou 1,5% de juro, o ganho final efetivo do BC foi de aproximadamente 4%.6. O contrato de swap reverso é registrado na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM&F) e tem ajuste diário, ou seja, todos os dias se faz a soma da variação cambial ao cupom e, se esse valor for maior do que o CDI do dia, o BC recebe do investidor a diferença; se for menor, o BC paga para a outra parte a diferença.

Agencia Estado,

20 de dezembro de 2005 | 17h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.