Deputado do DEM quer derrubar alta do IPI de importado

Um projeto de decreto legislativo apresentado ontem pelo deputado Mendonça Filho (DEM-PE) propõe ao Congresso derrubar o aumento de 30 pontos porcentuais do IPI para carros importados anunciado pelo governo na semana passada. A proposta precisa ser aprovada na Câmara e no Senado para ter efeito prático. Como o governo tem maioria nas duas Casas, as possibilidades são pequenas de sucesso no Legislativo, e o DEM já estuda levar o caso à Justiça.

O Estado de S.Paulo

21 de setembro de 2011 | 03h06

Para o deputado pernambucano, a medida do governo "representa um duro golpe para o consumidor brasileiro". O parlamentar afirma que a concorrência decorrente da presença de mais veículos importados no mercado nacional vinha estabelecendo novos parâmetros de preço e qualidade para a indústria.

Na visão dele, o resultado da medida protecionista será um aumento da margem de lucro dos produtores nacionais e uma piora na qualidade dos carros. O parlamentar lembra que medidas protecionistas adotadas no setor de informática trouxeram prejuízos aos consumidores.

Mendonça Filho destaca que o carro brasileiro é um dos mais caros do mundo. Segundo ele, levantamento feito com base em veículo de médio porte comercializado mundialmente mostra que no Brasil o preço é 130% superior ao dos Estados Unidos, 94% ao do México e 74% maior do que o valor de venda na Argentina. / EDUARDO BRESCIANI

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.