finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

'Derrota da seleção inglesa pode dar prejuízo de R$ 7 bi'

Fracasso nas eliminatórias da Eurocopa 2008 já derrubou ações de empresas esportivas.

BBC Brasil, BBC

22 de novembro de 2007 | 12h20

O setor de negócios esportivos da Inglaterra e outros setores relacionados, como pubs e casas de apostas, alertaram que a derrota da seleção de David Beckham - que não se classificou para a Eurocopa 2008 - poderá gerar um prejuízo de até 2 bilhões de libras (cerca de R$ 7,3 bilhões).A Inglaterra foi derrotada na noite de quarta-feira diante de um estádio de Wembley lotado, em Londres, pela seleção da Croácia por 3 a 2. Na manhã desta quinta-feira, o técnico da Inglaterra, Steve McClaren, foi demitido.Também na manhã desta quinta-feira, a fabricante do uniforme inglês, Umbro, e a revendedora britânica Sports Direct alertaram sobre o impacto da derrota."Uma bem-sucedida campanha até a final (da Eurocopa) em 2008 poderia ter levado lucros de 2 bilhões de libras para a economia", afirmou Simon Chadwick, professor de estratégia dos negócios de esportes e marketing da Escola de Negócios de Coventry.Chadwick explicou que o impacto da ausência da Inglaterra na Eurocopa pode ser até mais amplo do que apenas quedas nas vendas de alguns setores."Provas, de competições anteriores, mostram que a produtividade normalmente aumenta enquanto a seleção da Inglaterra progride em torneios internacionais e o 'fator bem-estar' se instala", acrescentou.Os reflexos da derrota para a Croácia já foram sentidos no mercado financeiro na manhã desta quinta-feira. As ações da Sports Direct registraram queda de 17% depois que a companhia que comercializa artigos esportivos afirmou que, com a derrota da Inglaterra, não tinha certeza de que os lucros de 2007 seriam maiores do que os de 2006.Outra companhia de comércio de artigos esportivos na Grã-Bretanha, a JJB Sports, também registrou queda no valor de suas ações de 8,2%.As ações da Umbro caíram 3,7% depois de a companhia informar que esperava uma "redução considerável" nas vendas de camisas do uniforme da Inglaterra.A Umbro afirmou que se preocupa principalmente com a possível queda na demanda pelo novo segundo uniforme da Inglaterra, para jogos fora de casa, que vai ser lançado em 2008.Segundo analistas de mercado, o fato de a Nike ter comprado a Umbro pode fazer com que a queda nos lucros da empresa não seja tão drástica. Na sexta-feira, serão divulgados mais detalhes a respeito da compra.Além das companhias de artigos esportivos, pubs e casas de apostas também deverão sentir o impacto da derrota da Inglaterra em 2008. Estes setores, junto com o setor de viagens, geralmente têm lucros quando a seleção inglesa participa de grandes competições de futebol.Muitos torcedores ingleses viajam para as grandes competições, o que não vai ocorrer no caso da Eurocopa 2008.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolderrotainglaterraprejuízo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.