Deságio da BR-050 mostra que leilão é rentável, diz Mantega

Segundo o ministro, a partir do leilão da BR-050, o governo vai remodelar outras rodovias, citando como exemplo a BR-262, que seria leiloada junto com a BR-050, mas não teve interessados 

Sandra Manfrini, da Agência Estado,

18 de setembro de 2013 | 11h37

BRASÍLIA - O ministro da Fazenda, Guido Mantega, comentou nesta manhã o resultado do leilão da concessão da BR-050 e disse que o deságio obtido mostra que o empreendimento é rentável. "O deságio na BR-050 mostra que o empreendimento é rentável, lucrativo, a ponto de você dar um deságio e continuar a ter vantagem", disse o ministro.

Segundo ele, a partir do leilão da BR-050, o governo vai remodelar outras rodovias, citando como exemplo a BR-262, que seria leiloada junto com a BR-050, mas não teve interessados. "Nós vamos aumentar a atratividade daquelas que, sei lá, têm um pedágio mais alto e um volume de passageiros menor. Nós temos um conjunto atrativo. Sabemos quais são atrativas: a BR-060, BR-050, BR-040, BR-163, são todas atrativas. E as outras são um pouco menos e vamos remodelar de modo que tenham grande interesse e possamos ter forte competição e novos deságios", afirmou o ministro.

O consórcio Planalto venceu hoje a disputa pela BR-050 e ofereceu um deságio de 42,38% sobre a tarifa básica.

Tudo o que sabemos sobre:
concessãorodovia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.