Desemprego cai no ABC paulista

O desemprego na região do ABC paulista diminuiu em dezembro do ano passado dos 19,2% apresentados em novembro para 18,1%, de acordo os dados de uma pesquisa divulgada hoje pela Fundação Seade, Dieese e Consórcio Intermunicipal das Bacias do Alto Tamanduateí e Billings. Os números de dezembro ficaram abaixo da taxa média apresentada durante o ano de 2002, que foi de 19,1% da população economicamente ativa (PEA).O total de desempregados, em novembro, foi estimado em 233 mil pessoas. A queda no desemprego, segundo a pesquisa, foi resultado principalmente da criação de 17 mil postos de trabalho no comércio e outros 10 mil no setor de serviços. Estes novos postos compensaram a queda de empregos na indústria, que foi de 9 mil no período.Este balanço positivo foi suficiente para garantir o declínio da taxa de desemprego mesmo com a incorporação de 8 mil pessoas no mercado de trabalho regional.A pesquisa abrangeu os municípios de Santo André, São Bernardo do Campo, São Caetano do Sul, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.