Desemprego em São Paulo cai para 14,2%, menor taxa do ano

O resultado, apurado pela Seade e o Dieese, representa um contingente de 1,46 milhão de desempregados

Anne Warth, da Agência Estado,

19 de dezembro de 2007 | 10h29

A taxa de desemprego total na Região Metropolitana de São Paulo ficou em 14,2% em novembro, o menor patamar registrado em todo o ano, segundo informações da Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED) realizada pela Fundação Seade em parceria com o Dieese. Em outubro de 2007, o desemprego estava em 14,4%, e em novembro de 2006 em 14,1%. Com este resultado, o contingente de desempregados na região ficou em 1,46 milhão de pessoas, 12 mil a menos do que o registrado no mês anterior. O rendimento médio real dos ocupados subiu 0,4% em outubro ante setembro deste ano, mas caiu 0,5% ante outubro de 2006. No mês, em termos monetários, o rendimento ficou em R$ 1.148,00.  Brasil No conjunto das seis regiões metropolitanas avaliadas na pesquisa, o desemprego caiu para 14,6% em novembro. Em outubro, o desemprego estava em 15%, e em novembro de 2006, em 15,4%. Com este resultado, o contingente de desempregados nas regiões metropolitana de Recife (PE), Salvador (BA), Porto Alegre (RS), São Paulo (SP), Belo Horizonte (MG) e Distrito Federal foi estimado em 2,8 milhões de pessoas, 61 mil a menos que em outubro deste ano. Embora com intensidade diferenciada, o desemprego caiu em todas as regiões pesquisadas. O rendimento médio real dos ocupados nessas regiões subiu 0,6% em outubro ante setembro, e aumentou 0,8% em relação a outubro do ano passado.

Tudo o que sabemos sobre:
Desemprego

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.