Desemprego na Alemanha cai pelo 15º mês seguido

O desemprego diminuiu mais do que o esperado na Alemanha em setembro, segundo o Escritório Federal do Trabalho. O número de desempregados caiu 40 mil, com ajustes sazonais - o 15º mês seguido de queda. O dado de agosto foi revisado para redução de 20 mil, em vez de 17 mil como calculado anteriormente. A taxa de desemprego ajustada recuou para 7,5% em setembro, de 7,6% em agosto.

DANIELLE CHAVES, Agencia Estado

30 de setembro de 2010 | 09h35

Os resultados foram melhores do que o esperado. Economistas ouvidos pela Dow Jones previam declínio de 20 mil no número de desempregados e taxa de desemprego ajustada de 7,6%. Um total de 3,031 milhões de pessoas está sem trabalho na Alemanha, de acordo com a pesquisa, em comparação com 3,188 milhões em agosto.

Frank-Juergen Weise, diretor do Escritório Federal do Trabalho, afirmou que esse número deve cair abaixo da marca politicamente sensível de 3 milhões em outubro ou novembro - pela primeira vez desde novembro de 2008 -, mas subir novamente em dezembro por causa de demissões relacionadas ao inverno no país. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
desempregotrabalhoAlemanha

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.