Desemprego no Brasil cai para o menor nível desde 2007

A taxa mensal de desemprego nopaís caiu pela terceira vez consecutiva, atingindo em maio omenor patamar desde dezembro de 2007, mas o rendimento dostrabalhadores também recuou, informou nesta quinta-feira oInstituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A taxa de desocupação no país atingiu 7,9 por cento no mêspassado, a segunda menor taxa já apurada pelo IBGE, de acordocom a série histórica iniciada em 2002. O resultado só não foimenor do que o apurado em dezembro do ano passado, quando adesocupação estava em 7,4 por cento. "A população desocupada diminuiu 7,5 por cento em relação aabril e 20,4 por cento em relação a maio do ano passado",informou o IBGE em comunicado. Em abril, a taxa de desemprego nas seis regiõesmetropolitanas do país ficou em 8,5 por cento. Analistasconsultados pela Reuters previam uma taxa de 8,4 por cento paramaio. O rendimento médio real dos empregados caiu 1,0 por centoentre abril e maio, para 1.208,20 reais. Na comparação anual,entretanto, houve um aumento de 1,5 por cento, segundo o IBGE. O número de pessoas ocupadas nas principais regiõesmetropolitanas do país em maio ficou praticamente estável. Deacordo com os dados, esse contigente cresceu 0,4 por centofrente a abril. (Reportagem de Rodrigo Viga Gaier)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.