Desemprego recua na Região Metropolitana de São Paulo

De acordo com a Pesquisa de Emprego e Desemprego, a taxa caiu de 14,3% em outubro para 14,1% em novembro

Ricardo Leopoldo, O Estado de S. Paulo

22 Dezembro 2015 | 10h24

SÃO PAULO - A taxa de desemprego na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP) baixou para 14,1% em novembro ante 14,3% em outubro, segundo a Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED) divulgada nesta terça pela Fundação Seade e pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese). A taxa ficou acima da registrada em novembro de 2014, que foi de 9,8%.

No mês passado, o total de desempregados foi estimado em 1,574 milhão de pessoas, 24 mil a menos do que em outubro. Esse resultado foi obtido com a geração de 13 mil postos de trabalho e com a saída de 11 mil pessoas do mercado de trabalho, o que provocou uma redução de 0,1% da População Economicamente Ativa na região. A taxa de desemprego aberto recuou no período de 11,9% para 11,7%, enquanto a taxa de desemprego oculto não oscilou e continuou em 2,4%. Além disso, a taxa de participação subiu levemente, pois variou de 63,0% em outubro para 63,1% em novembro.

Ainda em relação a novembro, o total de ocupados subiu 0,1% ante o mês anterior, de 9,574 milhões para 9,587 milhões. Essa variação foi motivada pela geração de 22 mil empregos na Indústria de Transformação, uma alta de 1,5%, e de 56 mil postos em Serviços, um avanço de 1,0%. Tais números compensaram o fechamento líquido de 46 mil vagas na categoria Comércio e Reparação de Veículos Automotores e Motocicletas (-2,6%) e de 8 mil postos na Construção (-1,2%).

Mais conteúdo sobre:
DesempregoDieese

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.