Desverticalização do setor elétrico deve começar em agosto

As geradoras federais de energia elétrica deverão realizar a desverticalização de suas atividades em agosto, uma das medidas previstas no pacote de revitalização do setor, anunciado em janeiro deste ano pelo governo. Segundo o presidente da Eletronorte, José Antônio Muniz Lopes, para levar à frente o processo de desverticalização, medida considerada essencial para a garantia da competitividade dos demais agentes do setor elétrico, é necessário que as contabilizações das operações do Mercado Atacadista de Energia Elétrica (MAE) sejam retomadas."Teremos de incorporar a energia negociada no MAE no balanço de cisão, necessário para a realização da desverticalização", disse Muniz. De acordo com ele, a Eletrobrás instruiu a Eletronorte e as demais controladas a colocarem nos seus balanços de cisão a data de 31 de maio - o que, na opinião de Muniz, é um indício de que a estatal espera para breve uma solução para a paralisação do MAE.As contabilizações das operações do MAE estão paradas desde o segundo semestre de 2001, por conta de uma liminar obtida na Justiça pela Eletrobrás, em uma disputa com as distribuidoras pelos excedentes de energia da hidrelétrica de Itaipu. Muniz não quis comentar o problema.Segundo o presidente da Eletronorte, o processo de desverticalização da empresa consistirá na criação de uma empresa de transmissão, que será cindida do restante.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.