Dia do Trabalho terá grande evento em São Paulo

A Força Sindical, segunda maior central sindical do País, lançou hoje no Viaduto do Chá, Centro de São Paulo, a campanha para as comemorações do Dia do Trabalho, em 1º de maio. A central, mais uma vez aposta em um grande evento na Praça Campo de Bagatelli, zona Norte da capital paulista, com a participação de cantores populares, como Daniel, e sorteio de 10 carros e cinco apartamentos. Os organizados esperam o comparecimento de 1,5 milhão de pessoas ao local. O tema da campanha deste ano será "Mais empregos-melhores salários", exatamente o mesmo do ano passado. "Queremos mostrar que não mudou absolutamente nada do ano passado para cá. O desemprego só cresceu e a renda do trabalhador diminuiu durante o governo Lula", argumentou o secretário-geral da Força, João Carlos Gonçalves, o Juruna. Representantes da central distribuíram cupons para o sorteio do evento de comemoração. Segundo Juruna, a festa terá um custo da ordem de R$ 2 milhões, pagos por patrocinadores como Embraer, Nestlé, AmBev, Casas Bahia, Telefônica e Bovespa. O sindicalista informou ainda que a intenção da central é de promover shows similares em outras capitais do País como Porto Alegre, Belo Horizonte, Salvador e Recife. "Já fazíamos eventos nesses locais nos outros anos, mas, a partir deste a nossa estratégia é de aumentar as comemorações em outras capitais para termos eventos tão grandes como o de São Paulo", explicou.

Agencia Estado,

25 Março 2004 | 12h54

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.