'Diagnóstico social não é bom'

"O livro do Piketty faz um diagnóstico e em cima desse resultado traça proposições, sobretudo da política tributária e de como ela deveria ser utilizada para tornar uma sociedade menos desigual. No Brasil, estamos numa fase em que nem adianta pegar as discussões das proposições que ele levanta. Não temos um bom diagnóstico da situação social como um todo e da tributária. O mais importante no livro e que serve para o Brasil é que o diagnóstico mais adequado sobre distribuição de renda e riqueza têm de levar em conta as estatísticas tributárias. E esse tem de ser o nosso foco. O Piketty fez um trabalho secular. No Brasil, se conseguirmos ter uma foto de um ano, apenas um, já é lucro." / L.G.G.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.