Dieese aponta inflação de 0,43% em maio na Capital

O Índice do Custo de Vida (ICV) na cidade de São Paulo, calculado pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Sócio-Econômicos (Dieese), subiu para 0,43% em maio mostrando uma variação de 0,37 ponto porcentual em relação à taxa de 0,06% registrada em abril. A taxa apurada no mês passado é também superior ao índice de 0,24% verificado em maio de 2003.Entre os grupos que compõem o ICV, a maior alta nominal foi verificada em Equipamento Doméstico, com 0,70%. O grupo Vestuário fechou em 0,66%, seguido por Transportes (0,56%), Alimentação (0,46%), Habitação (0,43%) e Saúde (0,19%).Inflação menor para os mais pobresAs famílias mais pobres, com renda média de R$ 377,49, foram as menos prejudicadas com a alta da inflação de maio na cidade de São Paulo, segundo constatou o Dieese. Enquanto o índice geral subiu 0,43%, a inflação para esses grupos fechou em 0,36%.Para as famílias com faixa de renda intermediária, de R$ 934,17, o ICV subiu 0,41%. Para as com maior poder aquisitivo, aquelas que recebem uma renda mensal média de R$ 2.792,90, a inflação subiu mais, fechando em 0,46%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.