Dieese espera inflação de maio em 0,40%

A inflação do paulistano em maio, pelo Índice do Custo de Vida (ICV), do Dieese, caminha para fechar o mês em 0,40%. A previsão foi feita hoje pela coordenadora do índice, Cornélia Nogueira Porto, ao divulgar o reajuste médio de preços no mês passado, de 0,50%. "Para maio não tem nenhum produto apontando para uma alta muito significativa", afirma a coordenadora do índice, acrescentando que acredita que a inflação deverá mostrar algum arrefecimento este mês. "Até porque não é só o consumidor que tem medo de inflação. As empresas também não gostam de preços altos porque eles reduzem as vendas", avalia Cornélia. No mês passado, lembra a economista do Dieese, o ICV fechou em 0,81%, pressionado principalmente pelas despesas com transportes, que pesaram 0,43 ponto porcentual na composição do ICV. "Se não fosse isso, o índice teria fechado em março em 0,38%. Como este mês não teremos nenhuma pressão forte assim, o ICV ficará em torno de 0,40%", avalia Cornélia. Para o fechamento do ano a coordenadora do ICV-Dieese mantém sua previsão de uma inflação em 8,50%.

Agencia Estado,

05 Maio 2005 | 17h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.