Covid-19

Bill Gates tem um plano para levar a cura do coronavírus ao mundo todo

Dilma descarta o risco de programa produzir guetos

Ministra diz que programa garante estrutura para que casas sejam equipadas com serviços básicos

Rosana de Cassia, da Agência Estado,

26 de março de 2009 | 08h28

A ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff negou, em entrevista ao programa Bom Dia Brasil, da TV Globo, que o programa "Minha Casa, Minha Vida, possa transformar os núcleos habitacionais em guetos sem infraestrutura. "Esse programa tem uma característica. Ele financia desde a compra do terreno à construção da infraestrutura de água, esgoto e dá também condições para que se coloque luz elétrica", disse.

 

"Como ele tem essa característica de garantir que toda cadeia da produção de habitação seja efetivamente contemplada, não se torna um entrave", acrescentou. A ministra reconhece o elevado custo de terrenos nos principais centros, mas disse que espera contar com a participação de estados, municípios e empresas na doação de terrenos, inclusive da União. "Obviamente nós iremos, através da Caixa (Caixa Econômica Federal) que é o agente financeiro, selecionar os melhores projetos, que vão utilizar de uma forma mais adequada esses recursos e produzir aquela casa que as pessoas merecem receber". A ministra garantiu, também, que todos os órgãos envolvidos na construção de habitações trabalharão em conjunto para agilizar o processo, sem burocracias.

Tudo o que sabemos sobre:
Dilma Rousseffprograma habitacional

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.