EVARISTO SA|AFP
EVARISTO SA|AFP

Dilma diz que ajuste fiscal trará resultados positivos em breve

No dia da posse de Nelson Barbosa no Ministério da Fazenda, presidente diz que governo trabalha para que País entre em um novo ciclo

Murilo Rodrigues Alves e Rodrigo Cavalheiro, enviados especiais a Assunção, O Estado de S.Paulo

21 Dezembro 2015 | 13h41

A presidente Dilma Rousseff afirmou que o ajuste das contas públicas "logo" trará resultados positivos para o Brasil. No dia em que dá posse a Nelson Barbosa como ministro da Fazenda, Dilma disse que o governo brasileiro trabalha em medidas de estímulo às exportações e aos investimentos em infraestrutura para que o País entre em um "novo ciclo". 

"A reorganização do quadro fiscal do Brasil logo trará resultados positivos, juntamente com o fim da crise política que tem afetado o meu segundo mandato desde o seu início", discursou a presidente na 49ª Cúpula do Mercosul, em Assunção, no Paraguai. 

Ela defendeu o combate à inflação, a consolidação da estabilidade macroeconômica e a volta da confiança na economia como ingredientes para a retomada do crescimento econômico. 

"Junto com uma política fiscal, de consolidação, estamos desenvolvendo também um novo ciclo que será marcado por maior estímulo às exportações e ao forte investimento em infraestrutura e energia. O aumento da produtividade favorecerá os investimentos e ajudará na maior geração de empregos", afirmou. 

De acordo com a presidente, a economia brasileira entrou em recessão como consequência da lentidão da recuperação mundial e, sobretudo, da violenta queda dos preços das commodities. Esses fatores, segundo ela, afetaram o crescimento brasileiro "de forma conjuntural". 

Ela afirmou que a economia ainda tem elevadas reservas internacionais e finanças sob controle. 

Mais conteúdo sobre:
Ajuste FiscalDilma Rousseff

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.