Dilma diz que Brasil não corre risco de apagão

A ministra de Minas e Energia, Dilma Rousseff, garantiu hoje que o Brasil não corre risco de sofrer com apagão semelhante ao que deixou às escuras ontem o noroeste americano e parte do Canadá. Segundo ela, o sistema elétrico brasileiro não está "estressado" como o norte-americano e, nos últimos anos, houve investimentos em ampliação e segurança da rede de transmissão de energia. "Há uma sobra de energia no Brasil e este ano entram mais 6,5 mil megawatts no sistema. Não posso dizer que o risco é nulo porque não quero provocar a ira dos deuses, mas o sistema está preparado para isolar qualquer risco de apagão sistêmico", afirmou, em entrevista após a cerimônia de abertura de seminário sobre gás natural realizado pela Coppe/UFRJ no Rio.Leia mais sobre o blecauteVeja a galeria de fotos

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.