Dilma diz que governo ainda não tem definição sobre pré-sal

Ministra da Casa Civil afirma que governo anunciará assim que tiver definição e diz que anúncio é 'para ontem'

Leonardo Goy, da Agência Estado,

15 de junho de 2009 | 17h37

A ministra chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, disse nesta segunda-feira, 15, que o governo ainda não chegou a uma definição sobre o marco regulatório que deseja para a futura exploração e produção petrolífera na camada pré-sal. Na quarta-feira passada, foi feita uma reunião com a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para ajustar os detalhes do modelo. Segundo Dilma, porém, "foi uma reunião preparatória".

 

Veja também:

especialO caminho até o pré-sal

especialMapa da exploração de petróleo e gás

 

"Não temos uma posição definida ainda. Quando tivermos, anunciaremos", disse a ministra, em entrevista coletiva, após apresentar o balanço das obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) no Distrito Federal. Questionada sobre quando o governo pretende fazer o anúncio, ela respondeu: "Para ontem".

 

Segundo a ministra, o presidente Lula quer rapidez na definição do novo marco regulatório, mas sem que a pressa comprometa a qualidade do modelo. "Estamos elaborando o modelo", disse, relatando que, às vezes, quando se elabora um marco regulatório, chega-se a um momento em que é preciso rever o que já foi feito para saber onde estão os erros.

 

Dilma recusou-se a responder qualquer pergunta relacionada ao conteúdo do modelo como, por exemplo, se haverá uma nova estatal para gerenciar as reservas do pré-sal. A ministra também não informou quando será a próxima reunião do governo para tratar do tema.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.