Dilma fala de 'novo ciclo virtuoso de investimento produtivo'

A presidente Dilma Rousseff afirmou neste domingo que as ações de seu governo abriram condições para "um novo ciclo virtuoso de investimento produtivo" E que o desafio dos próximos anos no Brasil é aumentar a competitividade da economia e acabar com a miséria extrema.

Reuters

30 de dezembro de 2012 | 10h05

As afirmações foram feitas em artigo publicado no jornal "Folha de S.Paulo", que teve como tema central o marco de 10 anos do PT no governo federal, ciclo iniciado com a chegada de Lula à Presidência em janeiro de 2003.

"Ao longo de 2012, lançamos planos de concessões de rodovias, ferrovias, portos e aeroportos, que abrem as condições para um novo ciclo virtuoso de investimento produtivo", escreveu.

Dilma citou ainda a redução na carga tributária, desonerações na folha de pagamento e o plano para reduzir custos na tarifa de energia em 2013.

"São medidas fundamentais para aumentar a competitividade das empresas brasileiras e gerar as condições de um crescimento sustentável", afirmou.

A presidente afirmou ainda que os avanços dos últimos 10 anos foram "construídos sobre uma base sólida" de governos anteriores.

"Desde o fim do regime de exceção, cada presidente enfrentou os desafios do seu tempo. Eles consolidaram o Estado democrático de Direito, o funcionamento independente das instituições e a estabilidade econômica".

(Reportagem de Ana Flor. Edição de Roberto Samora)

Tudo o que sabemos sobre:
POLITICADILMAARTIGO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.