bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Dívida interna do País cai para R$ 1,221 trilhão em janeiro

A dívida interna do governo em títulos caiu 3,46% em janeiro, atingindo R$ 1,221 trilhão. Em dezembro, a dívida interna estava em R$ 1,265 trilhão. De acordo com dados divulgados nesta quinta-feira, 19, pelo Tesouro Nacional essa queda se deveu ao resgate líquido de R$ 54,84 bilhões em títulos e pela apropriação de juros de R$ 11,11 bilhões.   A dívida pública externa também diminuiu em janeiro, para R$ 131,14 bilhões, ante R$ 132,51 bilhões em dezembro. A queda de 1,03% resultou da valorização do real ante as moedas que compõem a dívida externa.   A dívida pública total (interna e externa) caiu 3,23%, passando de R$ 1,397 trilhão em dezembro para R$ 1,352 trilhão em janeiro.   A parcela de títulos prefixados caiu de 32,19% em dezembro de 2008 para 28,04% em janeiro deste ano. Essa forte redução se deveu ao resgate líquido pelo Tesouro de R$ 67,98 bilhões em títulos prefixados. Já a parcela de papéis com remuneração atrelada à taxa Selic cresceu de 35,83% para 38,54% no mesmo período.   A parcela de títulos indexados a índices de preços subiu de 29,34% em dezembro de 2008 para 30,70% em janeiro; a de títulos vinculados à taxa de câmbio passou de 1,06% para 1,10%, respectivamente; e a vinculada a títulos remunerados pela Taxa Referencial (TR) passou de 1,58% para 1,62%.

Adriana Fernandes e Fabio Graner, da Agência Estado,

19 de fevereiro de 2009 | 14h45

Tudo o que sabemos sobre:
Dívida públicaTesouro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.