Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

DKW alerta sobre possível aumento da inflação no Brasil

O banco Dresdner Kleinwort Wasserstein alertou hoje, em nota para investidores, que o aumento das expectativas de inflação no Brasil para este ano e 2003 está gerando "crescente preocupação" e "aumenta a possibilidade de uma eventual resposta monetária, na forma de taxas de juros nominais mais altas". O banco considera, no entanto, improvável que o Copom venha a promover um novo aperto monetário no curto prazo. "As autoridades provavelmente irão adotar uma postura de esperar-para-ver, com o objetivo de avaliar a sustentabilidade da recuperação do real após a eleição", disse o DKW. "Se a moeda continuar a se fortalecer isso poderia ajudar a afastar a necessidade de taxas de juros mais elevadas." Mas o banco acredita que uma recuperação sustentável do real irá apenas ocorrer quando "houver fortes sinais da política do próximo governo, abrangendo as áreas fiscal, monetária e as reformas estruturais". Segundo o banco, uma opção para se enfrentar a escalada dos preços seria uma maior flebilização da meta inflacionária para 2003. "Entretanto, uma flixibilização adicional nesse estágio é quase que impensável", disse o DKW. "Embora os economistas do Partido dos Trabalhadores tenham, no passado, criticado a falta de flexibilidade do regime de meta inflacionária, qualquer modificação nesse estágio ou logo após a transição política seria recebida muito negativamente pelos mercados."

Agencia Estado,

12 de novembro de 2002 | 12h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.