Dólar cai 1,30% ante real com cena externa e eleições

O dólar recuou mais de 1 por cento ante o real nesta sexta-feira, depois de subir nas três sessões anteriores, diante do alívio no cenário internacional e à avaliação de que o candidato à Presidência Aécio Neves (PSDB) teria tido desempenho melhor do que Dilma Rousseff (PT) em debate da véspera.

REUTERS

17 de outubro de 2014 | 17h10

A moeda norte-americana caiu 1,30 por cento, a 2,4325 reais na venda, após acumular alta de 3 por cento nos três pregões anteriores. Segundo dados da BM&F, o giro financeiro ficou em torno de 950 milhões de dólares.

Nesta semana, a divisa acumulou alta de 0,37 por cento e, segundo analistas, a pressão externa não deve acabar tão cedo. Além disso, a volatilidade eleitoral deve continuar sendo a regra na próxima semana.

"Isso é um cessar-fogo, não é o fim de todos os problemas", afirmou o gerente de câmbio da corretora Treviso, Reginaldo Galhardo.

(Por Bruno Federowski; Edição de Flavia Bohone)

Tudo o que sabemos sobre:
DOLARFECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.