Dólar cai abaixo de R$2 por ajuste e recuo no exterior

O dólar encerrou em forte queda ante o real nesta terça-feira, passando por uma correção técnica em relação à alta da véspera e acompanhando a desvalorização da moeda norte-americana em nível global.

REUTERS

23 de junho de 2009 | 17h04

A divisa fechou em baixa de 2,08 por cento, cotada a 1,981 real na venda, maior recuo percentual diário desde 4 de maio, quando caiu 2,34 por cento.

"Acredito que a queda do dólar hoje é por ajuste técnico, uma vez que a alta de ontem foi forte. Além disso, tem (a desvalorização do dólar ante) as moedas lá fora", considerou Felipe Pellegrini, gerente de operações da corretora Confidence.

Na sessão anterior, o dólar avançou mais de 2 por cento, retomando o patamar acima de 2 reais.

Em nível global, a moeda norte-americana também se desvalorizava, pressionando ainda mais as cotações da divisa no mercado cambial doméstico. Ante as principais rivais, o dólar exibia queda de 1,2 por cento no final da tarde.

Na quarta-feira, o mercado deve ficar de olho no final da reunião do Federal Reserve. O Fed iniciou nesta tarde um encontro de dois dias para discutir a política monetária norte-americana.

As expectativas giram em torno dos comentários, a serem divulgados após a reunião, sobre o estado da economia e do programa de compra de ativos.

Nesta sessão, o Banco Central deu continuidade aos leilões diários de compra de dólares. A taxa de corte da operação foi de 2,0160 reais.

Na roda de pronto da BMF Bovespa, o volume de dólar negociado à vista era de 2,6 bilhão de dólares, segundo dados preliminares.

(Reportagem de José de Castro)

Tudo o que sabemos sobre:
DOLARFECHAATUA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.