Dólar cede com reunião extraordinária do Copom

O dólar vinha subindo ao longo da manhã, mas o anúncio de que o Comitê de Política Monetária (Copom) fará uma reunião extraordinária às 12h30 mudou a tendência. O comercial para venda subiu 2,36% e chegou a R$ 3,91 e às 12h estava em R$ 3,82, estável em relação ao fechamento de sexta-feira. A decisão do Copom é rara, e pode significar um aumento da Selic, a taxa básica referencial de juros da economia, atualmente em 18% ao ano. Com isso, as taxas de juros do mercado sobem.Às 12h, o dólar comercial era vendido a R$ 3,82; estável em relação às últimas operações de sexta-feira, oscilando entre R$ 3,8200 e R$ 3,9100. Veja aqui a cotação do dólar dos últimos negócios. No mercado de juros, os contratos de DI futuro com vencimento em janeiro de 2003 negociados na Bolsa de Mercadorias & Futuros pagavam taxas de 23,280% ao ano, frente a 21,600% ao ano sexta-feira. Já os títulos com vencimento em julho de 2003 têm taxas de 26,600% ao ano, frente a 26,250% ao ano negociados sexta-feira. A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) operava em queda de 3,50% em 8544 pontos e volume de negócios de R$ 106 milhões. Veja às 15h um comentário sobre os negócios da manhã. Não deixe de ver no link abaixo as dicas de investimento, com as recomendações das principais instituições financeiras, incluindo indicações de carteira para as suas aplicações, de acordo com o perfil do investidor e prazo da aplicação. Confira ainda a tabela resumo financeiro com os principais dados do mercado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.