Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Dólar chega a R$ 2,9000, cotação máxima do dia

O dólar comercial está no patamar máximo desta sexta-feira, cotado a R$ 2,9000 na ponta de venda dos negócios, em alta de 0,35% em relação às últimas operações de ontem. A moeda norte-americana iniciou o dia cotada a R$ 2,8890 e oscilou até a mínima de R$ 2,8880. Hoje, o cenário econômico nos Estados Unidos tem forte influência sobre o mercado financeiro no Brasil. Durante a manhã, foram divulgados números do mercado de trabalho nos Estados Unidos. O número de vagas de trabalho criadas em março mostrou crescimento de 308 mil. Essa foi a maior expansão mensal registrada desde abril de 2000. A estimativa dos analistas era de crescimento de 120 mil. Para a taxa de desemprego, que ficou em 5,7%, os analistas previam 5,6%. Os números sinalizam um reaquecimento da economia do país e abre espaço para uma alta dos juros norte-americanos, que está em 1% ao ano. Caso se confirme, os ativos lá ganham atratividade, já que pagarão uma taxa de juros maior com o mesmo nível de risco apresentado hoje. Para os ativos no Brasil, essa realidade pode resultar em saída de recursos, o que é considerado pelos analistas como um dos motivos para a pressão de alta sobre o dólar hoje.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.