finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Dólar comercial ignora calote argentino e cai

O mercado de câmbio parece ignorar a moratória argentina. Depois de uma abertura em alta (de 0,27%, com o dólar cotado a R$ 2,932), a moeda americana inverteu a mão de direção e passou a cair. Ao meio-dia, caía 0,55%, na mínima do dia, a R$ 2,908. As maiores expectativas do dia devem ser o comportamento dos investidores no leilão de rolagem da dívida cambial que vence no próximo dia 17, de US$ 1,4 bilhão e o fluxo de recursos. Hoje está prevista a entrada de dólares de uma empresa que captou no exterior recentemente, segundo fontes do mercado. No leilão, serão ofertados até 14.600 contratos de swap cambial com cinco vencimentos diferentes. O valor financeiro da oferta será de US$ 650 milhões, o que equivale a 46% do vencimento total. Veja a cotação do dólar.

Agencia Estado,

10 de setembro de 2003 | 12h23

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.