Dólar dispara e atinge maior cotação do ano

O dólar comercial atingiu a maior cotação do ano nesta quarta-feira, ao ser vendido a R$ 2,3990, em alta de 4,62% em relação aos últimos negócios de ontem. A maior cotação alcançada em 2006 durante os negócios no mercado cambial (intraday) foi no dia 3 de janeiro, no patamar de R$ 2,3410. A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) opera em queda de 3,11% e o risco Brasil - taxa que mede a desconfiança do investidor estrangeiro em relação à capacidade de pagamento da dívida do País - está em 291 pontos.A volatilidade dos mercados internacionais afeta de maneira especialmente difícil o mercado doméstico nesta quarta-feira. E o ajuste hoje é mais grave no mercado de juros, justamente um dos segmentos que vinham sendo mais favorecidos nos últimos anos de desempenho favorável dos ativos brasileiros.Na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), os contratos com juros pós-fixados com vencimento em julho (os mais negociados) estão com taxa de 15,540% ao ano. Os papéis com vencimento em junho pagam taxa de 15,680% ao ano. Na próxima semana, o Comitê de Política Monetária (Copom) reavalia a Selic, a taxa básica de juros da economia, que está em 15,75% ao ano. Tomando por base a expectativa apontada nos contratos futuros de juros, cresce no mercado a expectativa de que o Banco Central (BC) seja ainda mais parcimonioso no corte de juros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.