Dólar e produção emalta derrubam o suco

Os contratos futuros de suco de laranja com vencimento em julho tiveram queda ontem em Nova York, de 1,68%. Contribuíram com esse declínio a alta do dólar e o aumento na projeção de produção de laranja na Flórida na safra 2008/09, pelo relatório do Departamento de Agricultura dos EUA (USDA). A expectativa de produção passou para 159,6 milhões de caixas. A mudança desencadeou uma série de vendas por parte de investidores que haviam adotado posições em maio, quando o ativo estava em alta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.