carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Dólar em alta com vencimento de dívida e de futuros

O desenrolar do leilão de rolagem de parte (cerca de 990 milhões) da dívida pública cambial que vence no próximo dia 2 (US$ 2,3 bilhões no total) deve ser o principal foco das atenções dos investidores em câmbio nesta segunda-feira. O leilão inaugura uma semana que concentra, além das expectativas sobre essa rolagem, os movimentos em torno do vencimento dos contratos futuros de dezembro na BM&F. Os dois fatores tendem a afastar o comportamento do mercado dos fundamentos econômicos e políticos, embora os analistas ressaltem que o noticiário sobre a transição e inflação continuará a ser acompanhado de perto. Além disso, o final do mês é tradicionalmente um momento de menor oferta de moeda estrangeira já que há uma habitual e sazonal retração de exportadores e de oferta de linhas de crédito. Por isso, os operadores avaliam que esse pode ser um momento de pressão de alta nas cotações do dólar. Mesmo assim, alguns ressaltam fatos positivos que devem evitar altas como as que foram vistas durante o processo eleitoral, ou até mesmo levar a novos recuos da moeda norte-americana.O principal é o aumento do interesse interno por carregamento de dívida em dólar. Nas últimas rolagens, o BC conseguiu colocar os papéis ofertados no mercado, inclusive com uma redução nas taxas de juros. E é justamente isso que será medido no leilão de hoje. Os especialistas afirmam que se a oferta de contratos atrelados à variação do câmbio de hoje for integralmente absorvida pelo mercado, o dólar, que subiu nos dois últimos dias de negócios, pode reassumir trajetória de queda. Nos últimos dias também houve captação de recursos de bancos no exterior, embora ainda em volumes pequenos. No leilão de hoje, o BC oferece até 19.100 contratos atrelados à variação o câmbio com três vencimentos diferentes. Serão ofertados até 8.800 contratos com vencimento em 1/4/2003; até 7.000 contratos com vencimento em 1/7/2003; e até 3.300 contratos com vencimento em 3/1/2005. A operação acontece entre as 12h e as 13h e o resultado final será divulgado a partir das 14h30 da próxima segunda-feira. AberturaNa abertura dos negócios de hoje, às 10h03, o dólar comercial estava sendo vendido a R$ 3,5800, em alta de 0,56% em relação ao fechamento de sexta-feira. Veja aqui a cotação do dólar dos últimos negócios. No mercado de juros, os contratos de DI futuro com vencimento em abril, negociados na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), pagam taxas de 25,500% ao ano, frente a 25,490% ao ano sexta-feira.

Agencia Estado,

25 de novembro de 2002 | 10h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.