finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

Dólar fecha a R$ 2,377, queda de 0,79%; bolsa cai 0,27%

Depois de subir 2,66% entre sexta-feira passada e ontem, o dólar comercial fechou hoje na mínima, a R$ 2,377, queda de 0,79%. Pela manhã, sob o impacto dos atentados em Londres, o dólar comercial chegou a atingir a máxima de R$ 2,408 (+0,50%).A bolsa paulista oscilou com forte volatilidade e acabou fechando em baixa de 0,27%, com 24.449 pontos. Operou entre a máxima de 24.603 pontos (+0,35%) e a mínima de 24.192 pontos (-1,32%). Com esse resultado, a bolsa passou a acumular baixas de 2,40% em julho e de 6,67% em 2005. O movimento financeiro ficou em R$ 1,340 bilhão.Em Nova York, os preços futuros do petróleo caíram mais de 3%, influenciado pelo anúncio do governo dos EUA de que está preparado para fornecer às refinarias petróleo bruto de suas reservas estratégicas se o furacão Dennis ou qualquer outra tempestade afetar a oferta. No fechamento, o petróleo para agosto em Nova York recuava 0,90%, a US$ 60,73 o barril.

Agencia Estado,

07 de julho de 2005 | 19h09

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.