Dólar fecha de novo abaixo dos R$ 3

A iminente emissão de títulos da dívida brasileira e a elevação da perspectiva dos créditos do Brasil pela agência de risco Standard & Poor´s mantiveram o dólar abaixo dos R$ 3 nesta terça-feira. A moeda norte-americana encerrou o dia em baixa de 1,69%, cotada R$ 2,912. Faltando apenas um dia para o término de abril, o dólar já acumula no mês uma desvalorização de 13,15%. No ano, a alta do real já chega a 17,74%. Além das captações de bancos e empresas privadas, o mercado vive uma semana de boas notícias. Amanhã as propostas de reformas tributária e da Previdência deverão ser encaminhadas ao Congresso. O mercado avalia que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem demonstrado firmeza para controlar a chamada "ala radical" do PT, embora na reunião de hoje do presidente com a bancada os radicais tenham dito que mantêm a posição contrária às reformas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.