Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Dólar fecha em alta de 0,31%, após superar R$2,37 na sessão

O dólar fechou em alta nesta quinta-feira, mas longe das máximas do dia, pois investidores realizaram lucros após a divisa superar 2,37 reais pela primeira vez em sete meses.

REUTERS

18 de setembro de 2014 | 17h07

A pressão cambial, que testa a tolerância do Banco Central ao fortalecimento da moeda norte-americana, foi alimentada por incertezas sobre a política monetária dos Estados Unidos e as eleições no Brasil.

A divisa dos EUA avançou 0,31 por cento, a 2,3650 reais na venda, após bater 2,3775 reais na máxima da sessão, maior nível intradiário desde 21 de fevereiro, quando atingiu 2,3790 reais. Segundo dados da BM&F, o giro financeiro ficou em torno de 800 milhões de dólares.

(Por Bruno Federowski)

Tudo o que sabemos sobre:
DOLARFECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.