Dólar fecha em baixa com Black Friday e Europa

Vendas no varejo durante o feriado de Ação de Graças nos EUA  ampliaram expectativas boas em relação à economia norte-americana   

Silvana Rocha, da Agência Estado,

28 de novembro de 2011 | 17h15

O mercado de câmbio local operou durante toda a sessão com o dólar em baixa, em sintonia com a queda da divisa dos Estados Unidos no exterior. Paralelamente, as Bolsas internacionais e também a Bovespa contabilizaram fortes ganhos. Os dois mercados reagiram a praticamente as mesmas expectativas e notícias, ou seja, refletiram expectativas renovadas com a situação na zona do euro e com a economia norte-americana após o forte aumento das vendas no varejo (16,4% ante 2010) durante o feriadão de Ação de Graças. Dados de atividade e do setor imobiliário norte-americano melhores do que o esperado também estimularam o apetite por aplicações de risco.

Por isso, e após o dólar acumular alta de 5,72% na semana passada, os investidores deram continuidade ao movimento de realização de lucros registrado por aqui na última sexta-feira. O dólar à vista fechou em baixa pela segunda sessão seguida, de 1,54%, para R$ 1,8560 no balcão. Na BM&F, o dólar à vista também terminou com recuo de 1,54%, cotado a R$ 1,8590.

Em Nova York, às 16h50, o euro subia para US$ 1,3329, de US$ US$ 1,3246 no fim da tarde de sexta-feira. O dólar avançava para 78,00 ienes, de 77,76 ienes na sexta-feira, e recuava a 0,9224 franco suíço, de 0,9315 franco suíço na sexta-feira.

Tudo o que sabemos sobre:
dólarBlack Friday

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.