Dólar oscila perto do piso informal de R$ 2,90

O clima de "melhor dos mundos" que se criou ontem depois de Alan Greenspan ter dito que a economia norte-americana vai crescer e, mesmo assim, o Federal Reserve pode manter-se paciente com a política monetária, derrubou o dólar a nível próximo do piso informal de R$ 2,90. E criou-se uma forte expectativa sobre qual será a postura do BC com a cotação nesse nível. A princípio, ainda por causa do impacto da fala de Greenspan, a trajetória da moeda norte-americana seria de queda suave, já que o grande ajuste foi feito ontem mesmo. Porém, o mercado pode querer testar o comportamento do BC e, nesse caso, acentuaria a desvalorização. Nesta manhã, o dólar permanece próximo do piso de R$ 2,90. Começou o dia em queda suave, de 0,10%, cotado a R$ 2,904. Mas logo inverteu a mão de direção e passou a subir ? também de maneira suave. Chegou a subir 0,17%, a R$ 2,912, mas às 10h40 subia só 0,03%, a R$ 2,908. Veja a cotação do dólar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.