Dólar recua 0,98% com mercado estável

O mercado de câmbio operou em queda hoje durante todo o dia. No final dos negócios, o dólar estava cotado a R$ 1,9170 na ponta de venda dos negócios. Uma queda de 0,98% em relação às últimas operações de ontem. De acordo com Luiz Fernando Lopes, economista-chefe do Chase Manhattan, o movimento foi apenas um acerto no preço justo do dólar. "A alta de ontem foi exagerada e o valor da moeda ficou fora do que, de fato, vale. Hoje houve uma devolução dos ganhos obtidos", afirma.Para os próximos dias, Júlio Ziegelmann, diretor de renda variável da BankBoston Asset Management, não acredita em uma reversão imediata no quadro de instabilidade. Ele avalia que o dólar pode continuar oscilando muito, em função do cenário externo, principalmente em relação à situação na Argentina.Já o economista-chefe do Chase acredita que, na próxima semana, o dólar deve cair para o patamar de R$ 1,90 e R$ 1,91 e deve permanecer nessa faixa até meados de novembro, devido à estabilidade do fluxo de recursos para o mercado brasileiro. Para o final do ano, Lopes projeta o dólar na casa de R$ 1,88."A redução do volume de recursos que sai do País a partir do final de novembro, com a diminuição dos pagamentos com importação e títulos da dívida externa, além de um possível aumento das entradas, caso a privatização do Banespa aconteça, a cotação do dólar deve recuar. Porém, esse cenário vai depender também da diminuição da instabilidade do cenário externo", explica Lopes.

Agencia Estado,

27 de outubro de 2000 | 18h16

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.