Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Dólar recua pelo 9º dia, a R$ 1,669

Desvalorização externa da moeda e fraca compra em mercado pelo BC influenciam resultado. Juros sobem

Silvana Rocha, Claudia Violante e Denise Abarca, O Estadao de S.Paulo

29 de fevereiro de 2008 | 00h00

O dólar no mercado à vista ensaiou leve alta, mas acabou recuando pela 9ª sessão, ao menor valor desde 18/5/1999. A moeda caiu 0,12%, a R$ 1,669. As cotações foram pressionadas pela nova desvalorização externa do dólar e pela oferta de moeda em mercado após o leilão do BC, que teria adquirido um lote menor do que o esperado pelo mercado. Lá fora, o euro bateu máxima histórica de US$ 1,5231 e, no fim da tarde, estava em US$ 1,5218. A moeda americana também se aproximou do menor nível em quase três anos ante o iene, recuando a 105,07 ienes. A Bovespa descolou-se das quedas das ações européias e em Wall Street, que refletiram a previsão de novo corte de juros pelo Fed em março em meio ao depoimento do presidente do Fed, Ben Bernanke. O Ibovespa teve a 7ª alta, de 0,09%, aos 65.555,1 pontos. O juro de janeiro 2010 subiu a 12,41%.FRASERoberto PadovaniEstrategista de investimentos do WestLB, ao AE Broadcast Ao Vivo"Fed manterá estratégia agressiva e rápida; taxa dos Fed Funds pode cair para 1,5% este ano"

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

  • O Pix é seguro? Veja dicas de especialistas sobre o sistema de pagamentos
  • 13º salário: quem tem direito, datas e como a pandemia pode afetar o cálculo
  • Renda básica: o que é, quais os objetivos e efeitos e onde é aplicada

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.