Dólar sobe mais de 1% e encosta em R$2,60, por expectativas sobre ministro

O dólar fechou em alta de mais de 1 por cento nesta quinta-feira, encostado em 2,60 reais, refletindo incertezas sobre quem substituirá Guido Mantega no Ministério da Fazenda, em meio ao clima de incerteza sobre a condução da política econômica do segundo mandato de Dilma Rousseff.

REUTERS

13 de novembro de 2014 | 17h06

A moeda norte-americana subiu 1,20 por cento, a 2,5948 reais na venda. Na máxima da sessão, a divisa atingiu 2,6120 reais, maior patamar intradia desde 5 de dezembro de 2008, quando alcançou 2,6190 reais. Segundo dados da BM&F, o giro financeiro ficou em torno de 900 milhões de dólares.

(Por Bruno Federowski)

Tudo o que sabemos sobre:
DOLARFECJA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.