Dólar tem leve alta com atenção sobre Europa

O dólar fechou em leve alta nesta sexta-feira, anulando a queda do começo do dia em outra sessão de instabilidade dos mercados europeus.

SILVIO CASCIONE, REUTERS

18 de novembro de 2011 | 17h29

A moeda norte-americana avançou 0,16 por cento, a 1,7830 real. Na semana, o dólar teve alta de 2,24 por cento.

O mercado ficou concentrado, como nas últimas sessões, nas notícias sobre a crise da dívida na Europa. A aversão a risco aumentou um pouco durante a tarde após sinais divergentes da chanceler alemã, Angela Merkel, e do premiê britânico, David Cameron, sobre a condução da crise.

"O real, como o resto das moedas emergentes, vai continuar refém dos acontecimentos nos países desenvolvidos", afirmou o chefe global de estratégia para mercados emergentes da Brown Brothers Harriman, Win Thin, em relatório.

"Dada nossa visão negativa para a crise da zona do euro, continuamos com posição defensiva e esperamos mais altas do dólar até o final do ano", completou, apontando níveis técnicos a 1,8135 real e 1,8468 real, passados os quais o dólar poderia subir rapidamente até 1,9549 real.

Na próxima semana, além da atenção ao noticiário europeu, o mercado recebe os dados sobre o balanço de pagamentos e as transações correntes do país, na terça-feira.

A taxa Ptax, calculada pelo Banco Central e usada como referência para os ajustes de contratos futuros e outros derivativos de câmbio, fechou a 1,7723 real para venda, em queda de 0,29 por cento ante quinta-feira.

Tudo o que sabemos sobre:
DOLARFECHA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.