Dólar vai abaixo da marca dos R$ 3,00

Enquanto em Washington o presidente do Banco Central dizia que o câmbio a R$ 3 por dólar é mais consistente com as condições atuais da economia do que a quase R$ 4 por dólar, e no Brasil o governo e seus aliados se dividem entre os que defendem medida para conter a queda da moeda e os que preferem a livre flutuação, o mercado fazia a moeda americana romper a barreira dos R$ 3,00. Às 14h38, na reabertura depois do horário de almoço, o dólar estava a R$ 2,98, em queda de 0,96% sobre o fechamento da sexta-feira. Este é o quarto pregão consecutivo em que o dólar tenta vencer a barreira dos R$ 3,00 para fechar abaixo deste nível, o que não ocorre desde 8 de agosto de 2002. Segundo os operadores ouvidos pela Agência Estado, o dólar poderá fechar abaixo dos R$ 3,00 hoje se o Banco Central tiver sucesso na oferta de leilão de swap cambial para a rolagem de vencimento de US$ 1,5 bilhão de dívida cambial no dia 7. Clique aqui para acompanhar a cotação do dólar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.