Dólar volta a subir e chega a R$ 2,0950

O dia está sendo bastante movimentado no mercado de dólar, que agora há pouco registrava a taxa de R$ 2,0950, com alta de 0,82% em relação ao fechamento de ontem. O dólar chegou a ser negociado hoje a R$ 2,1050 (alta de 1,30%), seguindo rumores de que o recém-empossado ministro da Economia argentino, Ricardo López Murphy, pediria demissão. A disparada da moeda norte-americana motivou dois movimentos de venda pelo Banco Central, mas as cotações voltaram a subir. A saída de Murphy ocorreria devido às resistências ao prometido pacote de ajuste fiscal contendo fortes cortes orçamentários. Além da situação argentina, a desaceleração econômica dos Estados Unidos e a conseqüente queda nas bolsas em Nova York, além de dificuldades no Japão, com destaque à crise no sistema bancário, afetam os fluxos de dólares para o Brasil e pressionam o câmbio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.