Donas de casa prometem denunciar remarcações

A presidente da Liga das Donas de Casa da Argentina, Lita de Lazzare, convocou todas as donas-de-casa e a população em geral para travar uma batalha contra as remarcações de preços. Em entrevista na Casa Rosada, Lita está pedindo a todos que colaborem e não comprem nos estabelecimentos queaumentaram os preços. Ela convocou à poulação para denunciar os remarcadores e já começou a divulgar os nomes das cadeias de supermercados que não estão aumentando os preços. "Somos o FBI da Argentina, porque estamos investigando cada comércio que está aumentando os preços. Nos avisem quem aumentar e quem baixar os preços porque nósfaremos o mesmo", disse a senhora de 70 anos, após reunir-se com o governo e receber a promessa de que quem remarcar e abusar dos preços será punido.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.