carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Drone português dá vexame na estreia e mergulha no mar

Filme na internet faz sucesso ao registrar o voo desastrado do aparelho diretamente para a água diante da presença das autoridades da Marinha

Economia & Negócios,

22 de abril de 2014 | 15h05

LISBOA - O lançamento do primeiro drone produzido em Portugal terminou embaixo d'água. O aparelho lançado por um fuzileiro da marinha nem chegou a voar, caindo diretamente no mar. A Marinha portuguesa atribuiu o fracasso a um erro de lançamento.

Na segunda tentativa, o drone vou por alguns minutos e, segundo as autoridades, "cumpriu o plano de voo previamente definido pelo centro de operações".

O ministro da Defesa de Portugal elogiou o projeto de desenvolvimento do aparelho não tripulado da Marinha, em parceria com a empresa tecnológica portuguesa Tekever.

A apresentação do drone português foi na base naval do Alfeite, na semana passada. A cerimônia foi acompanhada pelo ministro da defesa José Pedro Aguiar Brancoe pelo chefe do Estado-Maior da Marinha, almirante Macieira Fragos.

A notícia do fracasso do drone português no Correio da Manhã: "Primeiro drone meteu água na inauguração"

O ministro declarou que o drone "vai ser altamente eficaz nas missões que a Marinha tem de cumprir". O aparelho poderá ser utilizado em missões de busca e salvamento, fiscalização da atividade pesqueira, apoio ao combate à poluição e à segurança marítima.

Apesar do sucesso na segunda tentativa, o filme que faz sucesso no youtube é o do primeiro lançamento, quando o drone faz um mergulho diante da observação atenta das autoridades.

Tudo o que sabemos sobre:
DronePortugal

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.