Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

É preciso preparo para próxima crise, diz diretor do Fed

O diretor do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) Kevin Warsh, membro votante do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc) este ano, afirmou hoje que é importante que os formuladores de política e economistas estejam preparados para quando a próxima crise chegar. "Como todos reconhecemos, haverá momentos no futuro quando haverá vários problemas, turbulências e tumultos novamente", disse Warsh, em comentários na abertura do segundo dia da conferência econômica sobre a Ásia, um encontro que, segundo ele, foi útil para desenvolver novas ferramentas para combater a próxima crise.

NATHÁLIA FERREIRA, Agencia Estado

20 de outubro de 2009 | 14h54

Ao abrir o evento ontem, o presidente do Fed, Ben Bernanke, afirmou que os Estados Unidos devem cortar o déficit orçamentário, enquanto os países asiáticos precisam impulsionar os gastos dos consumidores para evitar criar os desequilíbrios que contribuíram para a crise recente. Hoje, Warsh disse que o consenso na reunião de importantes formuladores de política e acadêmicos da Ásia e dos Estados Unidos era "bastante consolador - de que estamos todos juntos nisso".

A maioria dos participantes reconheceu que os benefícios dos mercados globais integrados "não devem ser recusados ou descartados por causa dos últimos 18 meses, mas precisam ser melhorados", afirmou Warsh. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
criseFed

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.