EBX vende unidades por R$ 126 milhões

O grupo EBX, do empresário Eike Batista, fechou acordo para a venda de duas unidades produtoras de ferro-gusa para a Vetorial Siderurgia. Uma das unidades, a MMX Corumbá, em Corumbá (MS), teve o preço acertado em R$ 100 milhões. A unidade já está em atividade e tem capacidade de produção de 400 mil toneladas de ferro-gusa por ano. A outra unidade, a EBX Siderúrgica de Bolívia S/A, teve o preço acertado em R$ 26 milhões. Essa unidade ainda não está em funcionamento, mas também deve produzir 400 mil toneladas de gusa por ano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.